Utilização da Comunicação e da Informação mediada tecnologicamente em ecologias Web pelo cidadão sénior

Balanço do primeiro semes...

Agenda

Desenho metodológico

Desenho metodológico

Projecto de Dissertação (...

Seminário (act 6)

Projecto de Dissertação (...

Projecto "Tempo para Dar...

Índice Provisório Comp. T...

Seminário (actividade 3)

Projecto de Dissertação (...

Seminário (actividade 2)

Seminário (actividade 1)

A agenda...

Projecto de Dissertação (...

Instituto de Estudos sobr...

Dia Internacional do Idos...

A agenda...

Apresentação do Projecto ...

O blog

arquivos

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Sexta-feira, 13 de Novembro de 2009
Projecto de Dissertação (actividade 5)

Pertinência do estudo

 

O desafio a que nos propomos revela a sua pertinência se atendermos que tem sido dada pouca revelância e prioridade à promoção do bem-estar, ânimo e qualidade de vida ao Cidadão Sénior, exigência estabelecida no segundo encontro da Assembleia Mundial do Envelhecimento das Nações Unidas (Pires, 2008, p.27).
Simultaneamente, está em concordância com aquilo que a Comissão Europeia defende (2006), o incentivo à realização de trabalhos de investigação que promovam a inclusão digital do Cidadão Sénior, em que as Tecnologias da Informação e da Comunicação sejam o suporte para a saúde, bem-estar e mobilidade dessa público alvo.

Tendo em conta que este estudo assenta na investigação dos efeitos emocionais da utilização das TIC no Cidadão Sénior e quais os serviços mais adaptados para a sua utilização pelo Idoso acreditamos que possa contribuir para o dissipar de preconceitos sobre as aptidões desse público na utilização das TIC e como consequência contribuir para a melhoria da sua qualidade de vida.

Numa perspectiva empresarial, a possibilidade de desenvolvimento de uma interface com preocupações pelo Cidadão Sénior revela-se como uma prioridade de mercado, já que pouco se tem feito nesse âmbito.
 

Referências:
Comissão Europeia (2006). ICT in FP7 at a glance. Acedido em 27 de Outubro de 2009 em http://ec.europa.eu/information_society/tl/research/documents/fp7-ict-4poverview.pdf .


PIRES, Ana Carla Seabra Torres (2008). Efeitos dos Videojogos nas Funções Cognitivas da Pessoa Idosa. Acedido em 27 de Outubro de 2009 no Web site da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto: 
http://sigarra.up.pt/fmup/TESES_POSGRAD.TESE?p_alu_numero=050804003 .




4 comentários:
De G-Souto a 15 de Novembro de 2009 às 15:22
A sua dissertação poderá ser um passo importante no efectivo LLL em Portugal!
Em Portugal, a comunidade sénior está radicalmente 'posta de lado' :( É quase como se as pessoas não existissem.

Se reparar, nos sítios web Plano Tecnológico ou Ministério da Educação não vê muita informação ligada a projectos LLL excepção feita à conferência que se realizou esta semana no Porto.

Parabéns pela temática escolhida! Que a sua dissertação não fique no plano conceptual mas possa contribuir eficazmente para acabar com a inércia das entidades superiores!

Só um aparte! A terminologia 'idoso' não deve ser utilizada num projecto que se quer actual.


De carlossantos a 16 de Novembro de 2009 às 09:28
"...efectivo LLL..."

Não será o conceito de LLL muito mais abrangente do que as questões relacionadas com o cidadão sénior?

Na minha opinião, o conceito de LLL tem que ser visto numa perspectiva muito mais abrangente ao nível do público-alvo. Por outro lado, promover a inclusão digital do Cidadão Sénior também é uma problemática muito mais abrangente do que "apenas" a questão da aprendizagem ao longo da vida.

Um grande desafio pela frente :)


De Sónia a 16 de Novembro de 2009 às 18:03
Olá Carlos,
obrigada pelo comentário. Realmente não me tinha debruçado sobre esse assunto e depois de uma pequena pesquisa verifico que o sistema político e, sobretudo económico, quando "investem" na aprendizagem ao longo da vida apenas direccionam as atenções para o trabalho e emprego. A nossa perspectiva é a de contribuir para colmatar a lacuna que existe no que diz respeito à promoção do bem-estar e qualidade de vida do cidadão sénior (grupo etário "esquecido") promovendo a inclusão digital, cujo objectivo é proporcionar momentos de lazer, de relações sociais e, como consequência de aprendizagem.

Vou investigar mais esta temática ;)
obrigada pelo contributo.



De Sónia a 16 de Novembro de 2009 às 18:15
Olá Souto,
desde já, obrigada pelo seu comentário.
Sim, a realidade que expõe é exactamente assim, infelizmente.
Com este projecto espero sinceramente contribuir para "dar um grande passo em frente" na situação actual.

Vou aceitar o sua dica (idoso) :)


Comentar post

todas as tags

Links de Interesse

http://web.mit.edu/agelab/

http://www.seniornet.com.au/

http://www.seniornet.org/jsnet/

http://www.crm.mb.ca/crm/crcc/index.html

 

 

subscrever feeds